O impacto da política agrária em Moçambique | Land Portal | Asegurando los Derechos a la Tierra a través de Datos Abiertos

Información del recurso

Date of publication: 
Diciembre 2010
Resource Language: 
Pages: 
85

Moçambique localiza-se na costa sudueste de África, com uma área de cerca de 799.380 Km1 e uma linha costeira de cerca de 2.515 Km ao longo do Oceano Índico, constituindo um espaço vital tanto para o país assim como para os países vizinhos situados no interior que só têm acesso às vias oceânicas através dos portos moçambicanos. Em termos de fronteiras, o país faz limite, a Norte, com a República Unida da Tazânia, a Oeste com o Malawi, Zâmbia, Zimbabwe, Suazilândia e República da Àfrica do Sul; a Sul, faz divisa com a Àfrica do Sul, países com os quais partilha cerca de 4.330Km. No que diz respeito à divisão administrativa, Moçambique é constituido por onze províncias2 e 128 Distritos. O seu território contempla três tipos de relevo: as planícies que ocupam cerca de 55% do território, a região planáltica que parte dos 200 a 1.000 metros de altitude, região situada basicamente entre o centro e o norte do país, com uma extensão de 43% do território e os grandes planaltos e montanhas, situadas no interior do país, que ocupam cerca de 13% da área total do país 3 . Com um clima predominantemente tropical, o país possui enormes extensões de terra arável para o desenvolvimento de actividades agro-pecuárias, a sua flora do tipo denso, aberto e savana, é extremamente rica em animais de grande, médio e pequeno porte, e de várias espécies de madeiras preciosas, algumas das quais bastante apreciadas no mercado internacional, alimentando, assim, a industria de exportação.

Autores y editores

Author(s), editor(s), contributor(s): 
COORDENADOR: António Álvaro Francisco (Msc) COLABORADORES: Hortêncio Sunde Manuel Lopes Nelson Magalhães
Publisher(s): 

Comparta esta página