Moçambique: Governo alemão disponibiliza 10 milhões de euros para agricultura | Land Portal
O montante destina-se a financiar as micro, pequenas e médias empresas do sector agrícola, no país e jeito de crédito e o Governador do BM espera que contribua para a redução da pobreza e o aumento da inclusão económica.
 
Em Moçambique, Governo da Alemanha financia as micro, pequenas e médias empresas do sector agrícola no valor de 10 milhões de euros.
 
O Governador do Banco de Moçambique, Rogério Zandamela, disse esperar que esta linha de crédito contribua para a redução da pobreza e o aumento da inclusão económica.
 
O Banco de Moçambique assinou esta segunda feira ( 09.09 ) contratos de crédito com quatro instituições financeiras nacionais que vão intermediar os fundos do Banco Alemão de Desenvolvimento, KFW, para o financiamento às micro, pequenas e médias empresas do setor da agricultura.
 
O Administrador do Banco de Moçambique, Jamal Omar, informou ter ficado acordado que o custo desse financiamento seja o mais baixo possível não excedendo uma taxa de juro de 15%.O dirigente disse ainda que esta linha de crédito tem uma componente importante. "É a componente da assistência técnica para apoiar não só os bancos beneficiários deste financiamento, mas também as empresas do setor agrícola para melhor se organizarem para terem acesso a esse financiamento e tirarem o melhor benefício possível”, esclarece Omar. 
 
Fraco financiamento na agricultura
 
Para o Governador do Banco de Moçambique, Rogério Zandamela, este financiamento reveste-se de especial importância para impulsionar o setor agrícola, que sustenta cerca de 75 a 80% da população moçambicana e com um peso médio de cerca de 25% sobre o Produto Interno Bruto (PIB).
 
"Não obstante o seu peso considerável no PIB os níveis de financiamento a agricultura nos últimos cinco anos permanecem relativamente baixos em torno de 3 a 4% ao ano,” garante Zandamela.
 
O Secretário Permanente do Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar, Víctor Canhemba Júnior, entende que "este é um exemplo de que conseguir crédito não é só para aquele que é produtor, mas também todo aquele que se interessa pela agricultura”, considera Canhemba Júnior, acrescentando que "estarmos todos nós engajados e com muita atenção para a questão das mudanças climáticas.”
 
Por seu turno, o embaixador da Alemanha, Detlev Wolter, disse esperar que esta linha de crédito contribua para,"a redução sustentável da pobreza no país, o aumento da segurança alimentar, da produtividade e a criação de emprego.”

 Copyright © Fuente (mencionado anteriormente). Todos los derechos reservados. El Land Portal distribuye materiales sin el permiso del propietario de los derechos de autor basado en la doctrina del "uso justo" de los derechos de autor, lo que significa que publicamos artículos de noticias con fines informativos y no comerciales. Si usted es el propietario del artículo o informe y desea que se elimine, contáctenos a hello@landportal.info y eliminaremos la publicación de inmediato.



Varias noticias relacionadas con la gobernanza de la tierra se publican en el Land Portal cada día por los usuarios del Land Portal, de diversas fuentes, como organizaciones de noticias y otras instituciones e individuos, que representan una diversidad de posiciones en cada tema. El derecho de autor reside en la fuente del artículo; La Fundación Land Portal no tiene el derecho legal de editar o corregir el artículo, y la Fundación tampoco espalda sus contenidos. Para hacer correcciones o pedir permiso para volver a publicar u otro uso autorizado de este material, por favor comuníquese con el propietario de los derechos de autor.

Comparta esta página