Moçambique: Governo alemão disponibiliza 10 milhões de euros para agricultura | Land Portal
Author(s): 
Leonel Matias (Maputo)
Language of the news reported: 
Portuguese
O montante destina-se a financiar as micro, pequenas e médias empresas do sector agrícola, no país e jeito de crédito e o Governador do BM espera que contribua para a redução da pobreza e o aumento da inclusão económica.
 
Em Moçambique, Governo da Alemanha financia as micro, pequenas e médias empresas do sector agrícola no valor de 10 milhões de euros.
 
O Governador do Banco de Moçambique, Rogério Zandamela, disse esperar que esta linha de crédito contribua para a redução da pobreza e o aumento da inclusão económica.
 
O Banco de Moçambique assinou esta segunda feira ( 09.09 ) contratos de crédito com quatro instituições financeiras nacionais que vão intermediar os fundos do Banco Alemão de Desenvolvimento, KFW, para o financiamento às micro, pequenas e médias empresas do setor da agricultura.
 
O Administrador do Banco de Moçambique, Jamal Omar, informou ter ficado acordado que o custo desse financiamento seja o mais baixo possível não excedendo uma taxa de juro de 15%.O dirigente disse ainda que esta linha de crédito tem uma componente importante. "É a componente da assistência técnica para apoiar não só os bancos beneficiários deste financiamento, mas também as empresas do setor agrícola para melhor se organizarem para terem acesso a esse financiamento e tirarem o melhor benefício possível”, esclarece Omar. 
 
Fraco financiamento na agricultura
 
Para o Governador do Banco de Moçambique, Rogério Zandamela, este financiamento reveste-se de especial importância para impulsionar o setor agrícola, que sustenta cerca de 75 a 80% da população moçambicana e com um peso médio de cerca de 25% sobre o Produto Interno Bruto (PIB).
 
"Não obstante o seu peso considerável no PIB os níveis de financiamento a agricultura nos últimos cinco anos permanecem relativamente baixos em torno de 3 a 4% ao ano,” garante Zandamela.
 
O Secretário Permanente do Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar, Víctor Canhemba Júnior, entende que "este é um exemplo de que conseguir crédito não é só para aquele que é produtor, mas também todo aquele que se interessa pela agricultura”, considera Canhemba Júnior, acrescentando que "estarmos todos nós engajados e com muita atenção para a questão das mudanças climáticas.”
 
Por seu turno, o embaixador da Alemanha, Detlev Wolter, disse esperar que esta linha de crédito contribua para,"a redução sustentável da pobreza no país, o aumento da segurança alimentar, da produtividade e a criação de emprego.”

Copyright © Source (mentioned above). All rights reserved. The Land Portal distributes materials without the copyright owner’s permission based on the “fair use” doctrine of copyright, meaning that we post news articles for non-commercial, informative purposes. If you are the owner of the article or report and would like it to be removed, please contact us at hello@landportal.info and we will remove the posting immediately.

Various news items related to land governance are posted on the Land Portal every day by the Land Portal users, from various sources, such as news organizations and other institutions and individuals, representing a diversity of positions on every topic. The copyright lies with the source of the article; the Land Portal Foundation does not have the legal right to edit or correct the article, nor does the Foundation endorse its content. To make corrections or ask for permission to republish or other authorized use of this material, please contact the copyright holder.

Share this page