direitos das terras indígenas related News | Land Portal

direitos das terras indígenas

LandVoc browser in AGROVOC: 
<a href='https://explore.landvoc.org/landvoc/en/page/?uri=http://aims.fao.org/aos/agrovoc/c_d42b49e7' target='_blank'>https://explore.landvoc.org/landvoc/en/page/?uri=http://aims.fao.org/aos/agrovoc/c_d42b49e7</a>
Exibindo 13 - 24 de 496
foto: Matheus Alves
5 Abril 2022
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil

foto: Matheus Alves/APIB

A 18ª edição do Acampamento Terra Livre está sendo realizada de 4 a 14 de abril, no espaço da Funarte; o acampamento prevê reunir 8 mil indígenas

Foto: Adolfo Guerra/DW
2 Março 2022
África
África subsariana
Angola

Comunidade San no Cuando Cubango. Foto: Adolfo Guerra/DW

Sem apoios do Governo e ameaçados pela fome, os San enfrentam muitas dificuldades, denuncia a Mbakita. Exclusão das comunidades deve-se à falta de vontade política, segundo a organização.

iepe
17 Fevereiro 2022
América do Sul
Brasil

A pessoa consultora trabalhará com a produção de conhecimento no âmbito do Programa internacional “Florestas para um Futuro Justo”. Candidaturas até 10 de março

 

Fonte: Amazon Aid Foundation
22 Fevereiro 2022
América do Sul
Brasil

Grandes empresas de mineração buscam se expandir por terras indígenas brasileiras atualmente protegidas na floresta amazônica, impulsionadas por bilhões de dólares de bancos internacionais e empresas de investimento, segundo um relatório publicado nesta terça-feira (22).

Foto: Divulgação / iStock
26 Janeiro 2022
América do Sul
Brasil

Segundo o MPF, houve possível atuação de má-fé dos autores quando omitiram na petição inicial o fato de que existe disputa de direitos indígenas sobre a terra que alegam possuir.

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) suspendeu uma reintegração de posse contra uma comunidade com 60 indígenas Pataxós, na cidade de Prado, no extremo sul da Bahia.

Ibama
1 Fevereiro 2022
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil

Terra Indígena Piripkura (MT) lidera a lista das 15 TIs com maior área desmatada - Ibama/arquivo

Instituto Socioambiental constatou 904 alertas de desmatamento dentro das Terras Indígenas com presença de isolados

Foto: psyberartist
18 Janeiro 2022
América Latina e Caribe
América do Sul
Equador

Foto: psyberartist

QUITO (Reuters) - Comunidades indígenas do Equador apresentaram nesta terça-feira centenas de milhares de assinaturas ao mais alto tribunal do país para exigir o direito de tomar decisões finais sobre o uso de terras ancestrais que dizem estar ameaçadas pela expansão de projetos extrativistas.

WIPO
13 Janeiro 2022
Global

A OMPI, através desta atividade, pretende celebrar e tornar amplamente conhecida a criatividade dos jovens indígenas e das comunidades locais, bem como conscientizar os jovens sobre como os direitos de autor podem ser utilizados por eles para proteger sua criatividade expressada nas fotografias.

FONTE: Eduardo F. Filho
22 Dezembro 2021
América do Sul
Brasil

Aos 24 anos, Txai Suruí foi a primeira mulher indígena a discursar na abertura de uma COP. Ao escancarar o genocídio que os povos nativos sofrem no Brasil, ela se tornou uma das principais lideranças ambientais no mundo

Eric Terena
20 Dezembro 2021
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil

Foto: Eric Terena

Earth Journalism
15 Dezembro 2021
África
Américas
América Latina e Caribe
Ásia
Europa
Global

 A EJN está oferecendo bolsas de reportagem a jornalistas indígenas para apoiar a produção de reportagens de profundidade que chamem atenção para a justiça climática, biodiversidade, ecossistemas sustentáveis e outras questões relacionadas com os direitos e o bem-estar dos povos e comunidades indígenas.

COMVEST
13 Dezembro 2021
Brasil

A UFSCar publicou o edital para o Vestibular Indígena 2022. A novidade é que processo seletivo será feito em conjunto com a Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), e serão elaboradas, aplicadas e corrigidas pela Comissão Permanente para os Vestibulares (COMVEST) da UNICAMP.

Blogues

Eventos

Debates

Organizações

The Alianza Territorial Mapuche (PuLofMapuXawvn ) is one of the grassroots organizations based in Gulu Mapu, the Chilean side of Wallmapu. The ATM’s core mission is the full defence of the Mapuche’s inherent rights, especially concerning the protection of their territory and natural environment. ATM is similar to an NGO in the sense that the organization is not registered under Chilean law. The ATM covers different territories of the Mapuche Nation and is involved in several communities that feel they represent the spirit of the organization.

Anagrasar Samaj Unnyan Songstha (ASUS) was started on 1998 as a non profitable and non political voluntary organization to provide support to the Indigenous people of plain land in Bangladesh. It was established to promote rights of the Indigenous Community and their empowerment. It has strong experiences in group approach, community participation, training on different areas of development, mass awareness creation in the field of the land rights, child rights, labor rights, water & sanitation, health and hygiene, recovery of Indigenous culture.

The Asia Indigenous Peoples Pact (AIPP) is a regional organization founded in 1988 by indigenous peoples' movements. AIPP is committed to the cause of promoting and defending indigenous peoples' rights and human rights and articulating issues of relevance to indigenous peoples. At present, AIPP has 47 members from 14 countries in Asia with 14 National Formations, 15 Sub-national Formations and 18 Local Formations. Of this number, 6 are Indigenous Women's Organizations and 4 are Indigenous Youth Organizations.

Both Ends

Together with environmental justice and human rights groups from poor and developing countries, Both ENDS works towards a sustainable, fair and inclusive world.

The vision of Both ENDS is a world where long-term environmental sustainability and social equity take priority over short-term profits.

Créée en 1998, Brainforest est une Organisation Non Gouvernementale de droit gabonais qui travaille sur la problématique Forêt – Environnement dans une double perspective d’appui sur le terrain et de suivi des politiques.

Martinus Nijhoff Publishers was an independent academic publishing company dating back to the nineteenth century, which is now an imprint of Brill Publishers. Founded in 1683, Brill is a publishing house with a rich history and a strong international focus. The name was changed to Brill–Nijhoff. Brill is a prestigious imprint with its portfolio focuses on areas in Public International Law, Human Rights, Humanitarian Law and increasingly on International Relations. Brill publishes over 800 books per year in both print and electronic format.

CEAS

Desde que foram lançados (1969), os Cadernos do CEAS buscam discutir criticamente temas diversos, que se relacionam com questões sociais, sempre na perspectiva de analisar a realidade brasileira em sua inserção internacional, apontando as iniciativas das classes trabalhadoras como caminho para a superação das situações de opressão e dos seus traços mais perversos, com o resgate da gigantesca desigualdade social que torna o Brasil um caso único e extremo entre os países industrializados.

Carta Internacional

A Carta Internacional é uma revista da Associação Brasileira de Relações Internacionais, dedicada à publicação de trabalhos científicos da área.

CCNDNuevoDia

CCCND trabaja junto con las comunidades Ch’orti en la región Nor-oriental de Guatemala. La organización provee apoyo legal y visibilidad a estas comunidades que enfrentan amenazas y violaciones a sus derechos humanos dada la implementación de proyectos hidroeléctricos y mineria en sus territorios.  Su trabajo a contribuido en la recuperación de identidad y gobernanza del territorio chòrti,  así como en la múltiples propuestas para desarrollo de política pública para el acceso a la tierra y la administración del territorio del pueblo Ch òrti`.

cclaf
O Centro de Cultura Luiz Freire (CCLF) é uma organização não governamental de direitos humanos, que surge em 1972, a partir de um grupo que buscava a restauração da democracia, através de atividades culturais e projetos de desenvolvimento comunitário, durante o período autoritário da Ditadura Militar brasileira.
csu

Ciências Sociais Unisinos é uma publicação quadrimestral da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – Unisinos e dedica-se a publicar artigos inéditos que contribuam para a reflexão e o estudo interdisciplinar das Ciências Sociais.

 

ccda_guatemala

The CCDA is an organization that fights for the improvement of the living conditions of the indigenous farmers by seeking a global change in the social, economic and political spheres, and for the respect of the cultures, ethnicity, language(s), traditions and territories of these peoples.

Compartilhe esta página

Últimas notícias

27 Janeiro 2017
Brasil

Por Renato Santana, da Assessoria de Comunicação – Cimi