Huíla Escolas de campo agrícola enquadram mais de quatro mil famílias (Angola) | Land Portal | Protegendo os direitos da terra através de dados abertos

Lubango - Quatro mil e 300 famílias camponesas das províncias da Huíla, Namibe e Cunene foram inseridas, nos últimos três meses, em 103 escolas de campo edificadas nestas localidades, pelo Fundo das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO).

A informação foi revelada, hoje, quinta-feira, à Angop, pelo representante do FAO na região sul, Matteo Tonini, sublinhando que a implementação destas escolas de campo enquadra-se no Projecto Integrado de Resiliência Angola Namíbia (PIRAN), financiado pelo Fundo Global de Ambiente e USAID.

Disse que as escolas foram edificadas nas áreas onde a actividade agrícola é fraca devido ao problema das estiagens, por formas a ajudar as comunidades a desenvolverem a prática com técnicas científicas e consequentemente multiplicar aquilo que produzem.

Realçou que a intenção é também de formar técnicos, com vista a proporcionar o desenvolvimento agrícola destas regiões, atendendo o seu potencial neste segmento.

Matteo Tonini mostrou-se satisfeito, poruqe as escolas criadas no município dos Gambos, província da Huíla, têm estado a apresentar resultados positivos, pois nestes três meses as famílias já conseguiram produzir sementes agrícolas e venderem ao FAO.

Indicou que o programa tem duração de cinco anos e está a apoiar igualmente o governo no seu programa de combate à fome e à redução da pobreza no seio das comunidades, diversificando assim a economia nas famílias.

Lembrou que as escolas estão equipadas com meios tecnológicos agrícolas capazes de dar resposta à formação dos camponeses, a fim de criar um ambiente mais propício e que apoie um fluxo sustentável de serviços de agro-ecossistema, fortalecendo assim e diversificar as cadeias de valor tanto com e sem criação de gado.

A par das escolas, o responsável do FAO na região manifestou-se também regozijado com os resultados que a fábrica de produção de blocos minerais para bovinos tem criado no seio das comunidades, pois tem resolvido o problema de alimentação nas áreas onde o pasto é débil.

Inaugurada, no ano transacto, de acordo com Matteo Tonini, a unidade fabril tem permitido a redução das importações de alimento para o gado, visto que a mesma produz grandes quantidades de bloco de sais minerais

Copyright © da fonte (mencionado acima). Todos os direitos reservados. O Land Portal distribui materiais sem a permissão do proprietário dos direitos autorais com base na doutrina de “uso justo” dos direitos autorais, o que significa que publicamos artigos de notícias para fins informativos e não comerciais. Se você é o proprietário do artigo ou relatório e gostaria que ele fosse removido, entre em contato conosco pelo endereço hello@landportal.info e removeremos a publicação imediatamente.

Várias notícias relacionadas à governança da terra são publicadas no Land Portal todos os dias pelos nossos usuários, partindo de várias fontes, como organizações de notícias e outras instituições e indivíduos, representando uma diversidade de posições sobre cada tópico. Os direitos autorais estão na origem do artigo; a fundação não tem o direito legal de editar ou corrigir o artigo, nem endossar o seu conteúdo. Para fazer correções ou solicitar permissão para republicar ou outro uso autorizado deste material, entre em contato com o detentor dos direitos autorais.

Compartilhe esta página