Moçambique | Land Portal | Protegendo os direitos da terra através de dados abertos

Comparar países

Loading chart...

Total population is based on the de facto definition of population, which counts all residents regardless of legal status or citizenship--except for refugees not permanently settled in the country

Measurement unit: 
Number

Últimas notícias

Fonte: Gabriela Sarmento
18 Outubro 2019
Africa
Mozambique
Em 2017, a Ordem dos Advogados de Moçambique levou a cabo uma monitoria dos direitos sobre a Terra e Segurança alimentar das comunidades afectadas pelos grandes investimentos. 
 
Fonte: Agência Brasil
1 Outubro 2019
Africa
Mozambique
Cerca de 300 famílias que foram retiradas em Março de pontos do distrito de Maganja da Costa, na sequência do ciclone IDAI dai no centro de Moçambique, voltaram às zonas de risco por falta de novas terras, segundo a Agência de Informação da Sociedade Civil (Civilinfo).
 
S. Lutxeque
21 Agosto 2019
Africa
Mozambique

Organizações da sociedade civil acusa empresa chinesa de não pagar impostos e de prejudicar a população na província moçambicana da Zambézia. Mas governo provincial nega.

Blogs

Debates

Eventos

Biblioteca

Organizações

 Núcleo Académico para o Desenvolvimento da Comunidade - NADEC logo

NADEC é uma pessoa Colectiva de Direitos privados, Sem fins lucrativos, fundada e registrada em 02 de Outubro de 2006, por um grupo de estudantes universitários nacionais, e lançada publicamente aos 29 de Setembro de 2007. É constituída por 16 membros e tem como o Responsável Sr. Hipólito Lourenço Benfica na qualidade de Presidente da Organização. Visão: Uma Sociedade livre de Injustiça em que as comunidades participam activamente na luta contra a pobreza. Missão: Emponderar as comunidades para que participem consistentemente nos processos de desenvolvimento local.

Adecru - Acção Académica Para O Desenvolvimento Das Comunidades Rurai

A Acção Académica para o Desenvolvimento das Comunidades Rurais (ADECRU) é uma organização da sociedade civil fundada em Outubro de 2007 por jovens estudantes universitários, numa acção mobilizadora entre os seus membros e os demais, constituindo-se como uma pessoa colectiva e de direito privado, dotada de uma personalidade jurídica e sem fins lucrativos, cujo objectivo é impulsionar os focos da consciência cidadã e a agenda de desenvolvimento local, promovendo maior envolvimento e interacção entre os vários actores nacionais e internacionais em prol do desenvolvimento d

Missão

Defender os direitos e interesses dos camponeses, contribuindo para o desenvolvimento associativo e comunitário, com vista a assegurar a posse e o uso sustentáveis da terra e dos recursos naturais às comunidades rurais.

SEKELEKANI é uma instituição moçambicana independente, sem fins lucrativos, de promoção de comunicação para o desenvolvimento, conceito que se refere a sistemas de comunicação em dois sentidos, orientados para enaltecer o diálogo entre os decisores de políticas públicas e as partes interessadas, nomeadamente as comunidades destinatárias do desenvolvimento, permitindo-lhes exprimir os seus pontos de vista, as suas aspirações e preocupações, participando, desse modo, na formulação da agenda do seu desenvolvimento.

O Centro de Integridade Pública de Moçambique, adiante designado abreviadamente CIP, é uma pessoa colectiva de direito privado, dotada de personalidade jurídica, de tipo associação sem fins lucrativos, não partidária, independente, com autonomia administrativa, financeira e patrimonial, que se rege por seus Estatutos e pela demais legislação em vigor.

Centro Terra Viva (CTV)

Missão 
Uma gestão dos recursos naturais baseada em conhecimentos científicos, ambientalmente sã, economicamente viável e institucionalmente responsável.

Visão 
Contribuir para uma melhor fundamentação técnico-científica das decisões ambientais, para que os apelos à participação pública na gestão ambiental, incluídos nas políticas, estratégias e na legislação ambiental nacional sejam respondidos, positivamente, por uma sociedade civil com capacidade de dar contribuições informadas e relevantes nesta área.

Commonwealth Forestry Association logo

What we do

We are reminded on a daily basis that the natural environment in which we live is vitally important for our well-being, whether it is in the form of climate change, global warming, declining fertility or dwindling natural resources.

A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) é o foro multilateral privilegiado para o aprofundamento da amizade mútua e da cooperação entre os seus membros. Criada em 17 de Julho de 1996, a CPLP goza de personalidade jurídica e é dotada de autonomia financeira. A Organização tem como objectivos gerais: 
 
A concertação político-diplomática entre seus estados membros, nomeadamente para o reforço da sua presença no cenário internacional;

Fórum Mulher

O Fórum Mulher é uma rede de organizações  não-governamental de direito privado e sem fins lucrativos, constituída em 1993, com cerca de 35 membros efectivos, que são organizações nacionais de sociedade civil. A organização define-se como sociedade civil, a partir de uma perspectiva feminista, com o papel de mediadora entre sociedade civil e Estado nas relações com as políticas governamentais e no fortalecimento das organizações que lutam pelos direitos das mulheres.

Compartilhe esta página